sexta-feira, 16 de dezembro de 2011


Atrás do que já não se acredita mais
Anda junto com a esperança, e se disfarça de alegria.
Manipula como marionete borboletas em nossos estômagos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário